Lei municipal quer colocar a multimistura na alimentação escolar

De autoria do vereador Edson Carlos Quinto(PR), o projeto de lei que autoriza a inclusão de mistura à base de farelo de cereais, folhas e sementes – conhecida como  farinha multimistura – na merenda escolar da rede pública de Volta Redonda foi apresentado na Câmara em março deste ano e, depois de ser promulgada e se tornar Lei Municipal em julho, ainda está aguardando a sua regulamentação pelo prefeito para entrar em vigor.

O projeto tem como objetivo fazer com que a multimistura sirva de complemento alimentar ou reforço na merenda escolar dos alunos da rede pública de ensino.

De acordo com a lei, a farinha multimistura será adquirida junto a um único fabricante deste produto, a Cooperativa de Produção de Trabalho Alternativo dos Produtores e Trabalhadores ligados à Pastoral da Criança do Médio Paraíba Ltda(Coop-Proalt).

Atualmente, a multimistura é uma das armas que os voluntários das pastorais da criança já usam na cidade para ajudar a salvar vidas, combater a desnutrição e fazer as crianças e adultos crescerem ou se desenvolverem com mais saúde.

Segundo Luzinete de Jesus Nunes, presidente da Coop-Proalt, a cooperativa foi fundada há 12 anos e criada dentro do programa da Casa da Criança e do Adolescente com o objetivo de gerar renda dentro da pastoral, através da produção industrial da multimistura.

Para Luzinete, a inclusão do preparado como complemento na merenda escolar foi uma excelente idéia para melhorar a qualidade de vida dos estudantes de Volta Redonda durante toda a sua formação escolar. Como a Pastoral da Criança já distribui o produto através de suas comunidades para as crianças até seis anos, com a nova lei em vigor a merenda escolar poderá oferecer um melhor suporte alimentar para os estudantes após os seis anos, período em que a criança gasta mais energia. Algumas prefeituras no Brasil, segundo ela, já incluem o produto na merenda escolar.

O prefeito Antônio Francisco Neto é um dos grandes incentivadores do projeto da multimistura na região e acha que, se for necessário, a merenda escolar será reforçada com este produto.

– A prefeitura é a maior parceira desse projeto, e tudo que envolve a saúde e o bem-estar das crianças será feito pela prefeitura. A implantação deste projeto será discutida pela Secretaria de Educação e a empresa responsável pelo fornecimento da merenda na rede municipal de ensino. Se houver necessidade de acréscimo da multimistura, sem dúvida isso vai ocorrer – afirmou Neto.

Segundo o prefeito, é importante destacar que Volta Redonda conta hoje com indicadores sociais com relação à desnutrição infantil muito baixo.

– A cidade atingiu em 2007 um índice de mortalidade infantil de 9,2 por cada mil nascidos vivos. O município já tem desenvolvido um trabalho com a multimistura nas comunidades carentes, mas isso nada impede que a merenda escolar seja reforçada com esse produto sempre que for necessário – esclarece o prefeito.

Vantagens do produto

De acordo com Terezinha Ramos, diretora-técnica operacional da Coop-Proalt, o uso da multimistura melhora o funcionamento intestinal, a resistência do organismo, auxilia no tratamento de osteoporose, redução de triglicerídeos e colesterol, além de combater a desnutrição e anemia, entre outros benefícios.

– Com a inclusão na merenda escolar, o período da adolescência e da juventude terá uma melhor qualidade de vida. Nós da cooperativa acompanhamos a elaboração do projeto e sempre apoiamos a sua criação que agora virou lei, só estamos aguardando ser cumprida – disse.

Segundo Luzinete, a maior dificuldade da inclusão da farinha multimistura na merenda é a aceitação por parte dos nutricionistas e da empresa que fornece os alimentos; com a lei entrando em vigor, a esperança é que essas barreiras possam ser rompidas.

– Com a inclusão na merenda escolar, a produção da multimistura tende a aumentar e dar melhores condições de trabalho aos cooperados, pois não somos uma empresa com fins lucrativos. Apesar do aumento na produção, nós temos condições de arcar com o abastecimento da rede pública de Volta Redonda – declarou, explicando que a inclusão no cardápio vai depender do programa nutricional da Secretaria de Educação, mas que a cooperativa espera oferecer algumas sugestões de como incluir o produto na alimentação escolar.

Segundo Luzinete, atualmente um dos problemas de saúde que mais afligem a humanidade é o mau funcionamento do intestino, que desequilibra todo o organismo; como a multimistura é rica em fibras, fornece esse equilíbrio ao organismo.

Processo começou de forma artesanal

Segundo Luzinete, antes de ser organizada há 12 anos em Volta Redonda, a produção da multimistura era feita de forma artesanal em todas as comunidades nos 12 municípios da Diocese de Barra do Piraí-Volta Redonda.

– O nosso sonho era qualificar a produção e, através de uma parceria com a prefeitura de Volta Redonda e com a Fundação Beatriz Gama, foi criado um espaço para a produção industrial da multimistura, que se iniciou no primeiro governo Neto (1997-2000). O projeto também recebeu recursos do BNDES para compras de equipamentos e, como resultado, a cooperativa foi criada para dar sustentabilidade ao projeto – explicou.

Todo produto da cooperativa tem como principal objetivo fornecer a produção para a Pastoral da Criança da Diocese, atendendo atualmente a cerca de 10 mil crianças na faixa etária de zero a seis anos, e com uma produção de 3,5 toneladas por mês.

Multimistura da Coop-proalt

É um alimento que contém farelo de trigo torrado, pó da folha de mandioca, semente de gergelim e fubá torrado. É rica em ferro, cálcio, proteínas, vitaminas (A, B1, B2 e C), niacina, zinco, fibra, amido e gorduras.

Como esta farinha dá mais energia, é indicada para crianças e idosos com baixo peso e carência nutricionais, atletas e adultos que praticam atividade física intensa.

Fonte: Jornal Diário do Vale

http://www.diariodovale.com.br/noticias/0,27927.html

Sobre Dra. Karina Carvalho - Nutricionista

Nutricionista Clínica, Nutricionista Esportiva, Nutricionista Estética, Nutricionista Funcional, Fitoterapia

Publicado em setembro 14, 2010, em Sem categoria. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: